Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



A primeira enxaqueca da Isa

por Ivone Neto, em 08.10.13

Ontem à tarde eu recebi uma ligação da escola da Isa dizendo que ela estava chorando de dor de cabeça. Foi a primeira vez que ela queixou-se de dor de cabeça. Sai do trabalho e fui buscar minha pequena. Mediquei com remédio e levei até a casa de minha irmã para que ela dormisse um pouco e eu pudesse retornar ao trabalho. Quando fui pegar ela no final do expediente ela ainda disse que estava doendo e sinalizou onde era a dor. Fiquei pensando, será enxaqueca igual a minha?

 

Chegando a nossa casa para o terceiro tempo do dia, deixei a Isa deitada com a luz apagada e assistindo desenho enquanto eu fazia o jantar. Sim, a iluminação parece ampliar a dor da enxaqueca. Cortei sua carne picadinha como ela gosta e ela ainda insistia em reclamar com a dor, mas disse que estava com fome também. Notei que ela estava ficando pálida assim como eu fico nessas ocasiões. E antes de terminar de jantar veio o vômito. Minha pequena Isa fica apavorada vomitando. Tento acalmá-la da melhor forma que uma mãe pode tentar.  Acabou.

Depois da limpeza de tudo e com ela mais calma, eu perguntei: filha e a dor de cabeça agora? Não dói mais mãe. Sim, depois do vômito a dor de cabeça latejante da enxaqueca parece evaporar.  Acabou a crise de enxaqueca. E, sinceramente, espero que seja a primeira de poucas. Liguei para Rosana, minha fiel consultora que com sua habilidade na acupuntura me livrou das constantes crises de enxaqueca para relatar o acontecimento e, ela me tranquilizou, dizendo que embora seja hereditária, minha vozinha tem, a crise da Isa pode ser por conta do antibiótico que ela está tomando por causa da infecção de garganta.

 

De qualquer forma, já sei a quem recorrer caso as crises aconteçam mais vezes. A acupuntura reduziu em 90% minhas crises de enxaqueca, sem falar no alívio que essa milenar técnica promove para diversas disfunções.

publicado às 15:40



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D