Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


A Bruna trabalhando, a Isa falando, as duas crescendo...

por Ivone Neto, em 15.03.10

...e como os filhos crescem rápido. Olho para Bruna que logo completará 16 anos e penso nela bebê chupando a “pepeta” como a Isa chama, mas, não usa. Minhas duas filhas são minha inspiração, motivação e força. Observá-las dormindo me traz uma sensação tão plena de paz. Rezo muito para que seus passos sejam abençoados com muita luz.

A Isa já conta até 10 e faz uma festa quando chega ao final de sua contagem. E como é maravilhosa a energia de celebrar uma conquista. É um combustível para avançarmos no processo de desenvolvimento. E é incrível como ela gosta de “casa”, ela ama seu espaço, sua “mama”. Sim ela ganhou cama porque o berço foi apenas para enfeitar. O lençol e o edredon de moranguinho com flores colorem seu cantinho de dormir e brincar. A gestação empreendedora da Isa é uma história fantástica da minha vida.

A Bruna logo terá 16 anos e está procurando trabalho. Já está até fazendo free em festas infantis. Sei que está entrando em outra fase e que isso representa muito, é uma etapa marcante em sua trajetória. Fico tão emocionada em vê-la motivada para trabalhar e conquistar seu espaço, aprimorar suas habilidades, descobrir um novo horizonte e aprender que podemos evoluir sempre quando enfrentamos o desafio de mudar e melhorar. E ela continua a escrever nos seus Blogs. Minha filha é uma Blogueira e sei que isso vai render. Começou o balet e está empolgada. A música é uma de suas paixões. Ela gosta de Coldplay e ando vendo vídeos e letras das músicas dessa banda que tocam seu coração. São magníficas.

 

 Minhas filhas me ensinam muito e agradeço muito pela graça da maternidade. O sorriso da Bruna e o da Isa são tão divinos. Abraçar minhas filhas, beijá-las, rezar por elas todos os dias, tentar ensinar o melhor que eu posso e amar com toda força da minha vida, é, sem dúvida, minha maior missão. Sempre estarei com elas porque acredito que os laços de amor verdadeiros são eternos.

Somos micro integrados no macro dessa rede cósmica. A Isa e a Bruna já foram semelhantes a um pequeno grão formado pela união da energia masculina e feminina na concepção, da reprodução, do prazer e do amor. Elas cresceram em meu útero, foram nutridas pela água, sangue e nutrientes que conectam de forma tão divina o corpo mãe-filha. É uma troca energética fascinante. Elas são núcleos, sementes e frutos, são DNA, estrelas, água, terra, fogo e ar, são partículas da vida e eu as amo de forma tão intensa que nenhuma palavra pode descrever. Amar é sentir.

publicado às 00:03

Natal com família

por Ivone Neto, em 27.12.09

 

Minha Isa está levada e cada dia mais esperta. No Natal passado ela mamava, esse já não mais. No Natal passado ela estava sentando, nesse correndo e falando. Sim, ela já forma frases “a uva caiu”. E como ela ama uva. E ela estava lá enfeitando a mesa da ceia simples e cheia de amor que reúne a família na noite de Natal.

Minha Bruna também está crescendo. Tornando-se cada dia melhor e ampliando suas experiências e aprendizados dessa fase tão importante que é a adolescência. Em 1 ano muita coisa passou. No balanço geral, o melhor que posso dizer é que ela está amadurecendo e, certamente, no próximo Natal estarei aqui escrevendo sobre sua evolução.

Meus irmãos estão seguindo seu caminho. Cada um com seu jeito, seus sonhos, suas trajetórias. E como é maravilhoso acompanhar o crescimento de todos e ver que cada passo é fundamental para cada um escrever sua história. E quantas histórias especiais acontecem no Natal de todos os tempos. E no tempo de cada ano vamos construindo os capítulos de nosso livro vida.

Minhas filhas são exemplos todos os dias do quanto podemos desenvolver nossa capacidade de aprender e melhorar sempre. Ser mãe é servir com tanto amor que não há como medir. Sentir e viver esse amor me traz a sensação de expansão.

publicado às 22:57

tin tin...os dentinhos surgiram

por Ivone Neto, em 29.06.09

Ouvi o som dos dentes na colher...nem acrediteI...ontem foram os primeiros passos, agora os primeiros dentes..hum...dois despontando para o mundo.
 

Acompanhar o crescimento da minha bebê me ensina como cada passo anuncia que o ritmo da vida está em movimento.
 

Morder, experimentar, crescer, aprender e ensinar. Cair, levantar, imitar, tentar, renovar. São tantas palavras que sintonizam com meu momento maternidade.
 

A Isa é assim, tem aquele olhar observador e ao mesmo atrevido de quem vai aprontar travessuras...coisas da infância. Que maravilha brincar!

Agora é agradecer a Fada dos Dentes rsrsrs e cuidar com cuidado do dengo desse período. Faz dodói, mas tem muito carinho para acalentar.

publicado às 21:11


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D