Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Meu Arthur Cascão

por Ivone Neto, em 09.09.19

A Turma da Mônica nos acompanha desde a infância de outros tempos. É incrível a identificação com os personagens, de modo diferenciado em cada um de nós. Arthur adora os gibis. E ficou bem emocionado quando assistimos Laços no cinema. Esses dias voltamos a assistir em casa. Os sentimentos da turma dialogando com os nossos. Medo, coragem, irritação, alegria, perdão e afeto.

E no domingo afetuoso, depois da catequese, fomos colher amoras, eu, o pai e as crianças. Depois ele comprou o guarda-chuva no bazar, acessório do Cascão que ele incorporou a sua brincadeira. Divertido observar sua imaginação brincando com o seu protetor guarda-chuva pelo quintal. Depois foi a vez do futebol que ele também ama e ele chega estilo Cascão da jogada, saltitante de alegria pelo gol “olímpico” que marcou. E fomos para o banho tirar o grude. Dormir limpinho e relaxado é tão bom.

70077642_10220911642807851_8045786197219344384_n.j

O caçula mais amado do mundo: meu Cascão Arthur

publicado às 13:30

o menino torcedor

por Ivone Neto, em 23.11.18

Apaixonado por jogar, ele também é um torcedor singular. Eu gosto de futebol desde pequena, além de jogar futebol na escola eu acompanhava como torcedora o meu pai, tio e amigos que jogavam. E incentivo o Arthur a sempre apreciar um bom jogo. A forma como ele vibra com o gol marcado quando está assistindo exala paixão. E isso do seu Santos e de outros times também. E quando ele está jogando e faz o gol então, é sensacional a explosão de sua emoção.

Ele tem acompanhado o campeonato brasileiro. Arthur fica triste quando o Santos perde e também com os times que estão na lanterna. Ontem ao comentar sobre o Paraná ele disse com ar tristonho: “mãe seu eu jogar nesses dois últimos jogos do Paraná e fizer gols dá pra ele não rebaixar?” A empatia do meu menino com o sofrimento do clube me deixou emocionada. E depois que eu tentei explicar os motivos do time já estar rebaixado e que ele é pequeno demais para jogar em time de adultos e etcs, ele até entendeu. Ainda assim, disse:
“Oh mãe e o Sport do Recife também pode ser rebaixado. É triste perder...

Notei sua voz embargada e respondi:
Sim filho é. Só que a derrota também ensina e tudo na vida tem um ciclo, inclusive no futebol. Agora é hora de escovar dentes, rezar e dormir, vamos?

E ele se jogou em meu abraço. E eu senti tanta ternura. Esse é meu filho torcedor!

40510046_2504052706272295_6063495001537511424_n.jp

publicado às 17:53

O menino e o time do coração

por Ivone Neto, em 10.09.18

O Arthur escolheu seu time contrariando as influências paternas e maternas. De um lado São Paulo, do outro Palmeiras. Ele é Santista. O único da família que conheço. É incrível como ele torce, vibra, grita e chora. Um menino apaixonado por futebol como ele não conheço. Até ganhou uma criativa pintura em seu quarto, arte de Rosana Grimaldi que enfeita mais um espaço de nossa casa.

Claro que ele escolheu jogar na escola do seu clube e fica contando os dias para chegar sábado, o dia de jogar. E treina em casa com a bola para meu susto cotidiano. No quintal alguns vasos de cerâmica com plantas, o vidro da janela da cozinha e os copos de vidro da churrasqueira, já explodiram com seus chutes. E vamos consertando. Dentro de casa, alguns cristais do lustre viraram lembrança, meus quadros entortam na parede e eu vou tentando driblar os contratempos.

meninotorcedor.jpg

E até o fim do ano tenho uma missão especial para cumprir, levar o Arthur ao estádio de futebol para assistir um jogo do Santos. E já fico imaginando sua emoção.

publicado às 13:20

O menino, o futebol, as lesões

por Ivone Neto, em 10.07.18

Primeiro foi uma tal de luxação no cotovelo. Isso no final de maio. E no começo de julho o pulso quebrado. Em dois lugares, vi os ossinhos frágeis quebrados no raio X e sua palidez no rosto refletindo a dor que sentia. Eh meu menino que adora futebol anda se machucando nos jogos. Agora 1 mês de molho.

O pai brigou nervoso e ele disse choroso: “mãe eu não vou mais poder jogar futebol?” Eu disse: vai sim filho, com os garotos de sua idade, assim que sarar. Ele adora jogar, a forma intensa como faz cada jogada e a alegria na comemoração do gol, são inspiradoras. Depois que ele estava mais calmo eu disse: filho não podemos deixar uma dificuldade paralisar nosso caminho, esse machucado é provisório, vai sarar. E será assim com o futebol e outros lances da jornada. Ele me abraçou e deu aquele sorriso de menino alegre que tanto amo. E continuamos brincando de futebol, da forma que dar no momento.

omenino.jpg

 

publicado às 20:09

Lições de um campeão Tricolor

por Ivone Neto, em 08.12.08

Não sou são-paulina, mas é grande minha admiração pelo clube que faz história com a marca do sucesso. E como conquistá-lo? Essa "receita" é recheada de ingredientes e o São Paulo é um grande exemplo de sua aplicação.

Tem planejamento, organização e metas bem definidas
Competência e eficiência na administração
Disciplicina, persistência e determinação são constantes
Inteligência e estratégia nas ações
Força, Energia e controle para impor seu ritmo
 

Tem Personagens que valorizam o time e são valorizados pela excelente atuação
Por isso a equipe é forte e tem estrutura
E também porque é comandada com maestria por um Líder Sensacional
Que tem garra, paixão e dedicação

Que acredita e desenvolve o potencial de sua equipe.


Parabéns São Paulo e são-paulinos (as)
E que as lições desse grande time sejam aplicadas por todos!
Sucesso...Sucesso...Sucesso Sempre.

Parabéns ao meu marido São-paulino e nossa bebê Isabelly de 5 meses
Como disse o pai: "nasceu campeã"
E nos emocionou ontem olhando e ouvindo o hino do São Paulo tocado pela orquestra no estádio do Morumbi...ela nem piscava..os sentidos todos conectados ao som já familiar...e quando terminou virou seu lindo rosto e olhou para o Pai...Inesquecível esse silêncio vitorioso...seguido de lágrimas e sorrisos!

 

Esse time é turbinado! Parabéns São Paulo pela conquista de mais uma Estrela!

publicado às 09:38


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D